Oboé - Academia de Música Santa Maria da Feira

Ir para o conteúdo

Menu principal:

OFERTA PEDAGÓGICA

OBOÉ

Os oboés foram incorporados à orquestra em meados do século XVII, quando desfrutou de grande popularidade entre compositores como Antonio Vivaldi, Johann Sebastian Bach, Alessandro Marcello, Georg Friedrich Händel, Wolfgang Amadeus Mozart, Robert Schumann, Richard Strauss, entre outros.

PROFESSORA:
Ana Madalena Silva

Oboé desmontado.

OBOÉ
O oboé é instrumento musical de sopro, classificado como um aerofone, membro da família das madeiras e de palheta dupla. O corpo do oboé, em formato cônico, é normalmente em madeira (ébano, jacarandá, pau rosa, entre outras), mas pode ser também encontrado em resina, compósitos e plástico.

A palheta dupla é constituída por uma cana especial, dobrada em dois e amarrada por um fio a uma peça em metal e revestida de cortiça denominada por tudel. A construção da palheta normalmente fica a cargo do oboísta, podendo contudo comprá-la já feita.

O oboé é considerado como um dos instrumentos de sopro de técnica mais difícil (requer grande controlo respiratório e relativamente altas pressões de sopro), além de sofisticado controlo labial das vibrações da palheta, por meio da chamada embocadura. O som do oboé é rico em parciais harmónicos, sendo as notas agudas bem penetrantes, motivo pelo qual o oboé é o instrumento usado para iniciar o tom de afinação de uma orquestra, a pedido do maestro, para que todos os outros instrumentos afinem. O oboé tem uma extensão de notas menor que os outros principais instrumentos de sopro, mas é capaz de grande variedade de timbres e de estilos de tocar. Em melodias lentas, o oboé tende a soar melancólico. Mas o oboé pode executar melodias alegres e chilreantes, com um timbre cortante e mordaz. Devido a estas caraterísticas o oboé é muito solicitado no variado repertório musical, por todos os compositores. A técnica apurada da embocadura e a respiração diafragmática permitem ao oboísta executar uma grande gama de expressões, efeitos dinâmicos e notas super-agudas.

Outros instrumentos da família do oboé são o oboé piccolo em Fá, o oboé d'amore em Lá, o oboé baixo em Dó (chamado oboé barítono em França) e o oboé contrabaixo em Dó. Aparentados com o oboé são ainda o corne inglês (que integra regularmente as orquestras desde o século XIX) e o Heckelphon.

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o menu principal